Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, abril 27, 2009

Temor sobre gripe suína afeta mercado externo, e Bovespa cai 2%

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) começou a semana perdendo a marca de 46 mil pontos, em dia marcado pelo temor de que a hipótese de uma epidemia de gripe suína venha a afetar os balanços de certos tipos de empresas, como as companhias aéreas. Isso afetou os mercados americano e asiático, que recuaram no dia.
O índice Ibovespa, referência para o mercado brasileiro, teve baixa de 2,04%, para 45.819 pontos, nesta segunda-feira (27), na esteira das perdas registradas pelos mercados asiático e americano. No mercado interno, sofreram no dia ações como JSB (do grupo Friboi, do setor agropecuário) e a TAM, que voa para destinos internacionais.

Gripe
A cautela dos investidores é atribuída ao surto de gripe suína que surgiu no México e já chegou a algumas cidades dos Estados Unidos e também a países da Europa, como Espanha e Inglaterra. No México, o número de mortes já passa de 140.
Embora os mercados asiático e americano tenham recuado com a notícia, na Europa pesaram as indústrias farmacêuticas, que garantiram alta ao indicador FTSEurofirst 300, que reúne os principais mercados do continente, e subiu 0,53% nesta segunda-feira.
Na Ásia, Seul e Hong Kong caíram 1,05% e 2,74%, respectivamente. No mercado americano, o índice Dow Jones, referência para Wall Street, teve baixa de 0,64%, enquanto o indicador Nasdaq, de papéis do setor de tecnologia, perdeu 0,88% no dia.

Nenhum comentário: