Ocorreu um erro neste gadget

terça-feira, junho 09, 2009

PIB sai melhor que o esperado, mas Bovespa fecha o dia em queda

Índice Ibovespa fechou em baixa de 0,88%, acima dos 53 mil pontos. Economia encolheu 0,8% no 1º trimestre, segundo informou o IBGE.
A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) seguiu de perto o desânimo do mercado internacional nesta terça-feira (9), dia que as notícias internas foram dominadas pela divulgação do resultado do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro no primeiro trimestre.
Seguindo de perto o frágil embolso de lucros visto nos Estados Unidos e os poucos negócios na Europa, o índice Ibovespa, referência para o mercado nacional, teve desvalorização de 0,88% no dia, terminando aos 53.157 pontos. O volume financeiro negociado ficou em R$ 3,893 bilhões.

PIB brasileiro
Segundo o IBGE, a economia encolheu 0,8% entre janeiro e março em comparação com o quarto trimestre de 2008, retração bastante inferior às estimativas, que chegavam a 3%.
Nos três meses finais de 2008, o PIB tinha caído 3,6%. O consumo das famílias e do governo e o setor de serviços apresentam crescimento, amortecendo a retração da indústria, contas externas e a queda na formação bruta de capital fixo.
De qualquer forma, o resultado das contas nacionais confirmaram o que o mercado já esperava: o país está em recessão técnica, uma vez que sua economia teve retração por dois trimestres seguidos.

Outros pregões
Nos Estados Unidos, o pregão foi volátil. O Fed anunciou que dez bancos que foram ajudados durante a fase aguda da crise teriam vão devolver US$ 68 bilhões aos cofres públicos. Somente o Morgan Stanley fará restituição de US$ 10 bilhões.
No fim do pregão, o índice Dow Jones, referência para Nova York, marcou queda de 0,02%. O indicador de ações de tecnologia Nasdaq ganhou 0,96%. O Standard & Poor's 500, que reúne ações de grandes empresas dos EUA, subiu 0,35% no dia.
Na Europa, as bolsas fecharam em alta, puxadas pelo setor de tecnologia e energia. Embora o FTSEurofirst 300, que reúne as principais ações do continente, tenha subido 0,5%, o resultado nas maiores praças foi discreto: Paris teve ganho de 0,21%, enquanto Londres caiu 0,01%.
Na Ásia, a terça-feira acabou de forma negativa para os principais mercados. Tóquio e Seul recuaram 0,80% e 1,54%, respectivamente.
(Com informações da Reuters e do Valor OnLine)

Um comentário:

Anônimo disse...

Enquanto este joguinho perdurar...lamentável.

Deveriam fazer um teste de Q.I. no Lula, e colocarem mentalidade de Barata como o esperado, com certeza viria acima do esperado, algo próximo de Topeira ou Marmota.

Destaque para a gastança do governo, aquelas festas de arromba em lugares caros, recheados de prostitutas conta como PIB. Se não tivessem mudado a forma, o povo esquece disso, viria -5%. Números são fáceis de burlar...

Pela contagem do PT = -0,8%
Pela contagem real = -5%

Mantega deu uma canetada e resolveu tudo há algum tempo atrás, tudo é PIB.

Obama = Lula II, a vingaça de Adrian.